Translate

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016


MEU AMOR DA INTERNET


Estão vendo aquela floreira plantada na janela,
foi eu que plantei para ela, com as flores mais belas do meu jardim.
Adubei com o meu amor e com o melhor que havia em mim.
Desabrocharam, linda nem dá para imaginar.

Esperando dia de dela chegar.
Um amor distante, casa simples preparada para o casamento,
Aqui seria  nosso lar,coloquei felicidade e amor por todo o lugar.
Mas ela fez feio e não veio.
E ainda disse que no mato não ia morar.

Estão vendo aquela floreira plantada na janela,
foi eu que plantei para ela, com as flores mais belas do meu jardim.
Adubei com o meu amor e com o melhor que havia em mim.
Desabrocharam, linda nem dá para imaginar.
É... mas agora murcharam de tanto olharem para mim,
Pois a minha tristeza é sem fim.

                                                                                      Francisco Gouveia

Nenhum comentário:

Postar um comentário