Translate

domingo, 31 de maio de 2015


Foi apenas flores, apenas rosas.
O que restou para a morte do nosso amor.
Um tumulo cerrado, bem fechado.
Enfeitado com muito amor.
Que descanse em paz.

                           Francisco Gouveia.

sábado, 30 de maio de 2015


E Jesus lhes disse: Eu sou o pão da vida: aquele que vem a mim
não terá fome; e quem crê em mim nunca terá sede.

                                         João 6; 35

Uma pessoa bem alimentada sempre é robusta, forte e resistente
as doenças e saudável.
A água é a vida em si, somos 70 por cento água como nosso planeta também é.
Ninguém vive ou sobrevive sem a água.
Jesus disse" Eu sou o pão" e Ele é o alimento sadio sem prazo de validade, um
alimento que produz a vida eterna para aqueles que se alimentam dEle, um
alimento que cura as feridas do pecado e da morte e dos males desta vida diária.
Jesus também é a água da vida, a água do Espirito, A Palavra da salvação,
aqueles que O ouve nunca terão sede e estão preparados para caminhar neste
mundo na jornada que os levará a salvação, os levarão a contemplar o
nosso Deus Todo Poderoso no reino celestial.
À partir deste momento, hoje, agora você já pode começar a se alimentar da água
do Espírito de Deus e, do Pão da vida.
Aceite em seu coração o Senhor Jesus como seu Salvador, busque Ele em oração,
leia as Escrituras e com certeza Deus lhe abençoara em nome de Jesus e dará
mais força e resistência para enfrentar esta vida e lhe abrirá um novo horizonte
no caminho para a salvação. Alimente-se.

sexta-feira, 29 de maio de 2015



Ainda me lembro da velha Paineira, um gigante.
Que nos assustava na noites escuras.
Morada de corujas com seus pios alucinantes.
E o barulho das flores da paina caindo sobre o telhado
Eu embaixo da coberta de olhos arregalados. Medo.

Muitas noites de sono perdido.
Até entender o que acontecia enquanto crescia na idade
e no entendimento.
Os dias de criança passarão como vendaval
junto com ele também os anos.

O adulto também não entende direito quando o desejo do amor
lhe bate ao peito.
Igual ao pio de coruja na noite escura, assusta mais não perdura,
O amor às vezes doí, com um desejo lancinante.
Se cura; Com um beijo e um abraço apaixonante.
Mas o amor é igual a Paineira gigante,
Assusta! e assusta bastante.
A semente não cai no telhado, cai no coração
 mas às vezes não cria raiz e nem brota.
Só desgosta e trás decepção.
Por isso ainda me lembro da velha Paneira. Medo!. 

quinta-feira, 28 de maio de 2015



TUDO PASSA

“Os dias da nossa vida sobem a setenta anos, ou em havendo vigor a oitenta, neste caso, o melhor deles é canseira e enfado, porque tudo passa rapidamente e nós voamos.”
 Sal. 90:10

Conhece a teoria do creme dental? Segundo esta teoria quando você começa a usar um novo tubo, coloca porções generosas na escova de dente, mas a partir da metade, inconscientemente passa a usar quantidades menores porque sabe que lhe resta pouco. 

Igual acontece com a vida. Quando se é jovem, dá a impressão de que a eternidade é nossa.  Quando chegam os anos da velhice, cada momento torna-se valioso porque você sabe que o tempo está chegando ao fim.
A Bíblia relata que os primeiros seres humanos viviam em média por volta de oitocentos e cinqüenta anos. Com a entrada do pecado, o tempo de vida foi se encurtando. Hoje é uma raridade alguém passar dos cem anos. O salmista afirma, que aos oitenta “tudo é canseira e enfado.”
A realidade é contundente. Você não tem todo o tempo do mundo para realizar o que planeja, portanto é preciso levantar-se diariamente cedo e depois de passar um tempo com   Deus, trabalhar incansavelmente na realização dos seus planos.
O pouco vivido com Jesus é muito e o muito vivido sem Ele é vazio, desespero e frustração. Não importa qual seja sua idade, se você a partir de hoje passa a viver em comunhão com o Deus da eternidade, Ele o ajudará a realizar em cinco anos o que você, sozinho, não conseguiu construir na vida inteira.
Nunca é tarde para quem acredita em Deus. Todo dia é um novo dia. A vida é um permanente começar. A despeito dos problemas e dificuldades, encara e hoje os desafios, sabendo que nesta vida “tudo passa rapidamente e nós voamos.”



quarta-feira, 27 de maio de 2015



Eu sou a tua imaginação, inspiração.
A sua inteligência, o seu romance ou aventura.
Sou a ciência, a crença ou seu passatempo.
Estou sempre juntinho de você, quando me quiseres.

Posso dormir com você, andar com você.
Ser uma parte sua, quando estiveres vestida ou nua.
Podes me levar para onde quiser,
Pode até... me emprestar para alguém, que te convém.
Por que isso me fará muito bem.
Sou o teu Livro, seu amigo de todas as horas
                             
                                                                Francisco Gouveia.

terça-feira, 26 de maio de 2015



A chuva fria molhando o dia, suor das nuvens.
Molham o campo, árvores e pássaros.
Encharcam o meu coração através da janela.
A água dá saudades de ti, do teu beijo molhado.
Do teu corpo suado depois dos momentos de carícia e amor.

Porque fostes embora, senhora do meu desejo.
Levastes contigo os carinhos e teus beijos.
Teus abraços procuro e não acho, 
Entre os cobertor, nas gavetas ou escondido embaixo do capacho.
A tua chave do apartamento ainda continua na caixa de correio,
Ainda sonho com teus seios, com teu corpo, com a tua voz,
Ainda sinto a tua presença e te procuro,
na esperança de te encontrar.
Mas aquela fria sepultura nunca te libertará.
Levou a sua vida e a minha por onde andará?

                    Francisco Gouveia



segunda-feira, 25 de maio de 2015



Alegria é um doce, uma confeite de açúcar,
Uma foto um deleite, um prazer.
Ser criança, vai além de ser,  um humano, `
É um outro ser, um anjo, com pouco tempo para viver.
Quando cresce perde a inocência.
Ai sim se torna um humano sem displicência,
E a brincadeira é sofrer e fazer os outros também sofrer.
Ama mais com os olhos que com o coração.
Poucos continuam com o anjo da infância,
que a maioria os assassinam, mas 
preservá-lo é um dom.

A alegria é um doce, quem fez, pouco trouxe,
ou caiu no chão.
Nem todos tiverem a sorte dele degustar,
Sobrou apenas o chá amargo,
para aqueles infelizes que não sabem amar.

sexta-feira, 22 de maio de 2015



Não faça seus castelos de sonhos,
No mais alto do céu.
Distante ficará, que os seus sonhos nunca irão se realizar.
Talvez o desejo dos teus sonhos esteja em uma janela,
do outro lado da rua.
Ou ao teu lado também olhando a lua.

Sonhar, um dia  também sonhei,
Misturei sonhos com a realidade, mas acordei.
Acordei num mundo vazio que imaginei.
Não tinha nada e ninguém.
Meus sonhos se transformaram em lágrimas...chorei.

                                    Francisco Gouveia

quinta-feira, 21 de maio de 2015



Teu vestido é branco salpicado de bolinhas pretas?
Ou é preto de faixas brancas?
Não importa,  quando passas, suspiros arranca.
És uma tentação, um pecado ambulante,
Quebrando pescoços curiosos,
voltando para te admirar.

Sorris cinicamente, sabendo da tua beleza,
atraindo olhares de tanta gente.
Colocando sonhos da cabeça de uns,
outros deixando desejosos e doente.
A ninguém queres,
O que só queres é ser atraente.

Francisco Gouveia


A onça pintada pintou a unha de vermelho,
Olhou-se no espelho,
Se achou linda, e foi caçar um coelho.
Andou pelos bosques e pelas matas, 
e nada.
O coelho não saiu da toca, ficou em casa
fazendo fofoca,
Causando intriga entre os filhos e a mulher,
até receber na testa uma pancada de colher.

Ficou chateado mas não saiu da toca,
Parece até que sabia que a onça lhe queria.
Ficou quieto e calado num canto deitado,
Roendo um pedaço de Pupunha.
A onça andou, andou e nada encontrou,
Voltou para casa e retocar as unhas.

                         Francisco Gouveia

quarta-feira, 20 de maio de 2015



Teu encanto é um espanto de beleza.
Tenha certeza que teu sorriso mora em mim.
Toda alegria que me fazes não terá fim.
Amada nosso amor é um conto de fadas
Um sonho encantador.
Até flores desabrocham na sinfonia do brilho do teu olhar,
Por onde passas as estrelas cobrem o chão para o teu caminhar.
Completas a minha vida com essa paixão,
Todo o universo é pequeno para caber o meu coração,
Pois dentro dele está você, minha doce devoção.

                 Francisco Gouveia

terça-feira, 19 de maio de 2015



Toda mágoa se transforma em água.
É a fonte do coração que pelos olhos deságua.
Toda amargura se cura com uma dose mais amarga
Amar quem não nos quer , não é amor é uma carga.

Carreguei você com todo carinho, fiz o que não pude
para lhe agradar... Mas acabei sozinho.
Não foi falta amor compreensão e nem carinho.
Mas foi a sua ingratidão que desfez o nosso ninho.

Se não gostava de mim porque me enganou,
Se fez amante perversa.
Mas o mundo para você também dá muitas voltas,
Um dia desses contigo a amargura também conversa.

                                                                               Francisco Gouveia

segunda-feira, 18 de maio de 2015


O meu peito reclama do ardor, queima em chamas.
Chamas do amor, paixão.
Meu coração se sente sufocado por amor,
não correspondido sente-se perdido.
Ilusão.

Quando  passas andando maliciosamente,
atraindo olhares de muitas gentes.
Ciumes apunhá-la meus sentimentos,
Me entristece até ao ponto de lágrimas.
 Choro.

O meu peito reclama de ardor, queima em chamas,
Chamas de amor e paixão.
Sufocando o coração.
Meu desejo de te amar é só ilusão.
Paixão.

                                Francisco Gouveia 

                    

domingo, 17 de maio de 2015




Sem trigo não há pão.
Sem pão há fome.
Com fome há rebelião.
Com rebelião há morte.

O que me revolta é a minha falta de sorte.
Plantei o trigo não veio a chuva.
Nem arroz e nem o milho,
O que anda crescendo mesmo  na minha plantação,
é essa dor sofrida no meu coração.
De ver o filho chorando pedindo pão.

                                                           Francisco Gouveia


sexta-feira, 15 de maio de 2015



A nossa vida parou em qualquer lugar,
Numa estação qualquer.
Faltou combustível... Amor.

Tentamos, tentamos e quase conseguimos,
Mas a locomotiva estacionou.
Faltou cumplicidade.

Todos nossos desejos, sonhos saíram dos vagões,
Nos abandonaram, acabou-se a nossa intimidade.
Tornamos estranhos, frios insensíveis a nossa relação.

O trem de nossa vida vai dar partida,
Apenas um irá.
Nem lágrimas o acompanhará. 
Ficará também um aceno de despedida.

                                                                Francisco Gouveia

quinta-feira, 14 de maio de 2015


Sonha, sonha Sonia. Sonhos de amor.
Sonha com os pensamentos bem distantes.
Pois de longe virá o seu amor.

Sonha, sonha Sonia. Sonhos angelicais.
Sonhos são tão passageiros, talvez não os lembre mais.
Sonha, sonhos coloridos. Sonha com os beijos perdidos.

Sonha, sonha Sonia. Sonhos de amor.
Pois todos nós que passamos por está vida,
Um dia também teremos alguma dor.

Sonha, sonha Sonia. Sonha comigo,
Teu sonho não será perdido.
Contigo também sonho, e não quero o meu sonho desvanecido.

                                                                        Francisco Gouveia

quarta-feira, 13 de maio de 2015



Rosa Maria. Maria Rosa.
Ou qualquer rosa que tenha por nome Maria.
Que bom seria, fechar os olhos e lhe ver.
Quão grande seria a minha alegria.
Sonhar contigo todos os dias.

Em todos os momentos da minha vida, 
contigo sonhei.
Mas nunca lhe encontrei.
Por onde andas eu não sei.
Se soubesse fugirias de mim... pela última vez.

                                                                                  Francisco Gouveia               

terça-feira, 12 de maio de 2015



Boi, Boi, Boi da cara preta, pega esse menino 
que tem medo de careta.
Cantava a minha vó para me fazer dormir.
Ma minha tia tenha dó...
Vivia fazendo caretas, por estar só,
Louca para arrumar um namorado
Mas parecia um jacaré,
só tinhas nariz e boca e um enorme pé.

Se pintava toda com vermelho extravagante,
Ficava parecendo um tomate,
Ou um jacaré de cor escarlate.
Até que um dia um maluco apareceu
Levou-a embora, ninguém sabe que fim deu,
Nem mesmo nenhum boato,
Se foi paras viver com ela ou tirar o couro para fazer sapatos.

                                        Francisco Gouveia.

segunda-feira, 11 de maio de 2015


Ah! Meus amores não irão voltar mais.
Ficou a saudade e o desejo, me deixaram para trás.
Quantas alegrias tive um dia, e passou.

O tempo foi meu carrasco, trucidou meu coração,
Me deixou igual a um trapo que se limpa o chão.
Só, somente só, solidão.

A minha vida passou sem eu prestar atenção,
Envolvido nos prazeres do mundo
Descobri que além da alegria e amor, existe dor e ilusão.

                                                                         Francisco Gouveia

sexta-feira, 8 de maio de 2015



Ela vinha para mim toda vestida de branco,
Sorriso nos lábios se dizia uma santa,
Flutuava no ar quando andava,
Uma perna mais curta que a outra, era manca.

Se oferecia  para mim com toda sinceridade,
Em troca do meu amor ela daria  a  sua virgindade.
Mal sabia ela que eu conhecia sua fama  em toda cidade,
Era dama de má companhia e oferecer seu corpo era a sua felicidade.

Em poucas palavras se conhecia a sua ingenuidade,
A sua inocência era de se tirar proveito,
Todos tiravam, a desnudavam a começar pelos peitos.
Ela me achou também por outro inocente,
E queria levar a sua vida para um lado diferente. Eu.

Cansada da vida que levava me escolheu,
Contou-me todos seus segredos, nada escondeu.
Por isso vinha para mim toda vestida de branco.
Sorriso nos lábios se dizia uma santa.
Flutuava no ar quando andava,
Uma perna mais curta que a outra, era manca.
Mas era sincera... e dizia que me amava.



                                                        Chico Gouveia

quinta-feira, 7 de maio de 2015



A MINHA MÃE

Ah! A minha mãe, quanta doçura.
Seis filhos, uma mãe que  valia por seis delas.
Cada uma delas com o mesmo toque de amor, de carinho.
A mesma compreensão.
Só diferenciava as vezes era a força das palmadas.
A educação às vezes é um pouco dolorida.
Mas Ela dava na medida certa, dose exata.

Ela com o jeitinho todo particular forjou o nosso caráter.
Ela não era tão letrada mas entendia as lições da vida.
Sutilmente foi a nossa professora, mestra, médica, psicóloga
do jeito dela. E Eu agradeço muito.
Pena que a vida passa tão rápido, acontece tantas coisas inesperadas
que esquecemos de agradecer verdadeiramente.
Quando descobrimos, que a nossa consciência nos acusa
ou avisa-nos...já é tarde de mais.

Homenagem tem quer ser em vida, após a morte é velório.
Quando esquecemos nossa mãe,
Nos condenamos a falta de crença em Deus.
Pois a mãe foi um presente de Deus para Adão.
E continua sendo um presente para todos nós...todos os dias.
Portanto é um presente de inestimável valor.
Um presente divino que merece acima de tudo o nosso amor.


FELIZ DIA PARA OS FILHOS QUE AINDA TEM SUAS MÃES.
E FELIZES SÃO AS MÃES POR TEREM BONS FILHOS.

                                             Francisco Gouveia 

quarta-feira, 6 de maio de 2015



Quero ser teu cobertor, teu manto de amor,
Quero ser a luz que te ilumina, menina.
Quero ser parte da tua intimidade,
a eterna amizade, os teus sonhos quero ser.

A fronha do teu travesseiro, a água do teu chuveiro,
Teu sabonete, o perfume do dia inteiro,
Eu quero ser.
E ficar tatuado no teu corpo, como um morto inerte,
 colado em você,
esperando o momento para abraçar e te beijar,
te amar e te amar.

Eu quero ser o teu escravo, e ficar acorrentado
em seus pés,
Faça de mim teu objeto de amor, de amar
me leve para tua cama,
Me faça  um bichinho de estimação, 
Embaixo de tuas coberta brinque comigo,
Me faça carinho e não me deixe...não.

                               Francisco Gouveia  

segunda-feira, 4 de maio de 2015



"ESTARÁS COMIGO NO PARAÍSO"

                                               Lucas 23:43

Um criminoso condenado foi enviado à morte em seu país.
Em seus últimos momentos, pediu clemência.
Se tivesse pedido a misericórdia do povo, ela seria negada,
Se pedisse ao governo, seria negada...
Mas não foi ao povo nem ao governo que ele clamou por graça.
Em vez disso, ele se dirigiu àquele homem ensanguentado, forma humana do Único,
 que pendia na cruz ao seu lado.
O criminoso implorou: "Jesus, lembra-te de mim quando entrares no teu Reino."
E Jesus respondeu, dizendo: " Eu lhe garanto: Você estará comigo no Paraíso."

Todos somos foras da lei, porque pecamos. Todos nós estamos condenados à morte.
Não temos a quem recorrer, a não ser àquele de se sacrificou na cruz.
Ressuscitou e espera atento ao nosso pedido: " Senhor salva-nos!
E Ele também nos dirá: Estarás comigo no Paraíso."

sábado, 2 de maio de 2015



Se são flores nasceram dos amores.
Se é sorriso nasceu da alegria,
Para  ser feliz tem que se sorrir todos os dias.

A expressão do coração, brilho no olhar
Vontade de amar com um sorriso
Para se amar tem que se estar feliz.

De peito aberto o caso é certo,
Com um sorriso se atrai,
Se for para fazer feliz, este amor nunca se vai.

A felicidade é um doce feito de mel,
Delicioso e divino sabor.
Mas... é mais delicioso quando se encontra um verdadeiro amor.


                                                     Francisco Gouveia.

sexta-feira, 1 de maio de 2015



Flor de Maria

O que te espera Maria. Maria o que espera.
No Centro da América, no centro de lugar nenhum.
São horas intermináveis por um ônibus,
Cruzando as montanhas de El Salvador,
Para ir a cidade distante, que no pensamento em um instante já chegou.

O que é espera Maria, Flor de Maria, Maria Flor,
Espera sorte, espera alegria espera por um amor.
Espera a poeira da estrada ou a chuva que ainda não chegou.
Espera por Cristo, porque será bem vindo.
Porque Ele chegando também acaba a tristeza e a dor.
Será Ele que vem vindo, pois o ônibus chegou.

                            Francisco Gouveia