Translate

quinta-feira, 7 de maio de 2015



A MINHA MÃE

Ah! A minha mãe, quanta doçura.
Seis filhos, uma mãe que  valia por seis delas.
Cada uma delas com o mesmo toque de amor, de carinho.
A mesma compreensão.
Só diferenciava as vezes era a força das palmadas.
A educação às vezes é um pouco dolorida.
Mas Ela dava na medida certa, dose exata.

Ela com o jeitinho todo particular forjou o nosso caráter.
Ela não era tão letrada mas entendia as lições da vida.
Sutilmente foi a nossa professora, mestra, médica, psicóloga
do jeito dela. E Eu agradeço muito.
Pena que a vida passa tão rápido, acontece tantas coisas inesperadas
que esquecemos de agradecer verdadeiramente.
Quando descobrimos, que a nossa consciência nos acusa
ou avisa-nos...já é tarde de mais.

Homenagem tem quer ser em vida, após a morte é velório.
Quando esquecemos nossa mãe,
Nos condenamos a falta de crença em Deus.
Pois a mãe foi um presente de Deus para Adão.
E continua sendo um presente para todos nós...todos os dias.
Portanto é um presente de inestimável valor.
Um presente divino que merece acima de tudo o nosso amor.


FELIZ DIA PARA OS FILHOS QUE AINDA TEM SUAS MÃES.
E FELIZES SÃO AS MÃES POR TEREM BONS FILHOS.

                                             Francisco Gouveia 

Nenhum comentário:

Postar um comentário