Translate

quinta-feira, 21 de agosto de 2014


Ela me chama pelo nome, engrossa a voz igual a um homem.
Diz que sou peludo pareço o lobisomem.
Gosta de sorrir e brincar, gosta de abraço;
Gosta de beijar.
Deita na minha cama, veste o meu pijama.
Quer me amar, se insinua com lingerie transparente,
Se esfrega e mim, me crava os dentes.
Não tem mais jeito, com os lábios viajo pelo seu corpo,
Ela me deu o passaporte, me concedeu o direito.
De satisfazer o seu desejo.

                                                   Chico Gouveia

Nenhum comentário:

Postar um comentário