Translate

segunda-feira, 15 de setembro de 2014


A chuva de hoje foi de tristeza, cada pingo uma lágrima do coração.
O vento assobiava  uma melodia de agonia, um prelúdio de solidão.
Cadê meu amor, cadê a a minha alegria.
Cadê a sinfonia dos beijos de outros dias.
Cadê você que a enxurrada do destino levou...
Minh'alma agoniza, muito, muito  de você precisa;
A felicidade partiu com você num barquinho de papel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário