Translate

segunda-feira, 10 de agosto de 2015



Não mintas.

Porque atiras pedras em mim? Se eu te amo.
Porque me enganas, se eu não te engano?
Será que é a minha religião, minha posição ou a cor do meus olhos,
Que fazem tantas discriminações?
Eu vejo que o amor não conta, não encanta e até desencanta corações.
Se quer atirar as pedras, atire, e me mate...
Mas desde já fique sabendo que tens o meu perdão,
morro feliz porque tenho amor no coração.
A pedra que está em tua mão clama  compreensão, 
ela não quer fazer parte da sua ingratidão.


Nenhum comentário:

Postar um comentário