Translate

quarta-feira, 25 de março de 2015


 Estava sentado naquela calçada,
Tudo dormindo, acordado só tinha eu.
Ia passando uma moreninha de cabelos loiros,
Tão engraçadinha.

Fechei a porta e saí atrás dela,
De hora em hora chamando por ela.
Ela me disse: Você não me quer,
Você é casado e tem sua mulher.

Eu: Não sou casado e nem tenho mulher,
Sou solteirinho que nem você é .
Quero saber onde você mora.
Ela: Moro na esquina Rua  São José.

                                        Cantiga do folclore Paulista

                                        Benedita Santos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário