Translate

terça-feira, 10 de junho de 2014


As rosas são dela, coloquei-as na janela,
Para fazer uma surpresa a ela.
Um bilhete dizendo que cada rosa era um beijo,
um desejo de amor.

Esperei sua reação,com um aperto no coração
Um sim, um abraço ou beijo,
O desejo de namoro, sem pudor ou decoro,
Sincero e duradouro.

Mas depois ela passou por mim, 
Nem disse sim ou não,
Me ignorou. As minhas rosas só serviram
Para o velório da minha paixão.

                                                 Chico Gouveia

Nenhum comentário:

Postar um comentário